Saltar o Menu
Logo Camara
Selo 2015

Câmara de Vereadores de Passo Fundo/RS

NOTÍCIA

EDUCAÇÃO

Ministro-chefe da Casa Civil recebe demandas educacionais

A Câmara Municipal de Vereadores recebeu a visita oficial do Ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, na manhã desta quinta-feira (7). Ele foi recebido pelo presidente do Legislativo, Fernando Rigon (PSDB) e acompanhado também pelo vereador Patric Cavalcanti (DEM). O ministro marcou uma agenda com entidades, instituições e empresas. Um dos principais temas das demandas recebidas foi sobre educação.  Confira um resumo dos assuntos tratados.

UPF

Onyx Lorenzoni recebeu a reitora da Universidade de Passo Fundo (UPF), Bernadete Maria Dalmolin, o vice-reitor Administrativo, Cristiano Roberto Cervi, o presidente do Conselho Diretor da Fundação UPF, Luiz Fernando Kramer Pereira Neto e a Presidente do Corede Produção, e Diretora da UPF Campus Carazinho, Munira Medeiros Awad. A Universidade está lutando para conseguir financiamentos, bolsas e incentivos exclusivos às instituições comunitárias.

A UPF também integra o Comitê em prol da duplicação da BR-285 e do asfaltamento da rodovia Transbrasiliana. Por isso, a pauta também tratou dessas demandas. Esses investimentos em infraestrutura e logística de transporte são vistos como de essencial importância para o desenvolvimento da região. A duplicação atrairia grandes empresas, que poderiam investir em espaços às margens da rodovia federal que também é rota de escoamento da produção industrial e do agronegócio, sendo via estratégica entre os países do Mercosul e o centro do Brasil.

IMED

O ministro recebeu ainda o vice-presidente acadêmico da Faculdade IMED de Passo Fundo, Willian Zanella, e a vice-presidente administrativa, Marilú Benincá de Davi. A pauta era um pedido de reconhecimento do Curso de Medicina. Ele obteve autorização do Ministério da Educação e Cultura (MEC) em 2014 e começou a funcionar em 2015.

Para ter um curso reconhecido, a instituição de ensino deve solicitar quando o curso de graduação tiver completado 50% de sua carga horária e antes de completar 75%, o que foi feito. O reconhecimento do curso é uma condição necessária para a validade nacional dos diplomas emitidos pela instituição. A IMED tem urgência já que a primeira turma de medicina vai se formar no fim de 2020. O ministro se comprometeu a cobrar agilidade no processo.

EMEF Benoni Rosado

Ainda na área da educação, o ministro tratou de uma reivindicação do vereador Patric Cavalcanti (DEM). É uma emenda parlamentar de R$ 300 mil para a Escola Municipal de Educação Infantil (EMEF) Benoni Rosado, no bairro São José. Os recursos, solicitados ainda quando Onyx Lorenzoni era deputado federal, continuam aguardando liberação do MEC.

A verba será destinada para a cobertura da quadra de esportes da escola e à construção de vestiários. Onyx também ficou de verificar a liberação dos recursos da emenda.

Foto: Comunicação Social/Câmara de Vereadores