Saltar o Menu
Logo Camara
Selo 2015

Câmara de Vereadores de Passo Fundo/RS

NOTÍCIA

CIDADANIA

Lançada Campanha de denúncias de violência contra a mulher

Na noite desta terça-feira (8) ocorreu o lançamento oficial da campanha “Máscara é pra proteger, não pra calar! Denuncie a violência contra a mulher”, pelo Comitê Popular por Saúde, Democracia e Direitos de Passo Fundo. Ela teve início por meio remoto, onde as pessoas puderam participar com reflexões sobre a violência contra a mulher e formas de combatê-la.

A ideia da campanha é incentivar as denúncias e divulgar os meios pelos quais as vítimas, e toda a sociedade, possam avisar as autoridades. Ela conta com o apoio do Poder Judiciário Estadual, além do reforço de diversas entidades e setores da sociedade.

Na live realizada, que lançou oficialmente a campanha, representantes do Poder Público, universidades e instituições sociais reforçaram a importância de sua realização, além de ressaltarem a necessidade de coesão de um sistema que vise coibir a violência contra a mulher. Uma das representantes do Comitê, Silvana Anziliero, salientou que a participação dos representantes legais desta rede de proteção é um reforço para que a sociedade civil possa exercer seu direito de fiscalização e cobrança da atuação desta rede.

Silvana destacou a participação da socióloga pernambucana e ativista dos movimentos a favor dos direitos das mulheres, Carmem Silva, cuja fala provocou sobre temas como a quebra de paradigmas de uma sociedade estruturalmente machista e patriarcal e os rendimentos da rede de atendimento e proteção à mulher vítima de violência quando depois da denúncia. “Foi muito importante refletir sobre a necessidade de se ter esta rede de apoio estruturada e atuante para acolher e apoiar esta vítima, para que ela tenha condições de romper com este ciclo doentio e vicioso”, apontou.

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública sobre violência contra a mulher em Passo Fundo, de janeiro a julho deste ano foram registradas 512 ameaças, 261 lesões corporais, além de 13 estupros, um feminicídio consumado e oito tentativas.

Seguem os principais canais de denúncia: 

DELEGACIA DA MULHER DE PASSO FUNDO 

WhatsApp: (51) 9 8444 0606 

Telefone: (54) 3581 0725 

Plantão: (54) 3317 1111 

Endereço: Rua Nascimento Vargas, 153, 2º andar (ao lado do campo do quartel) 

MINISTÉRIO PÚBLICO - mppassofundo@mprs.mp.br 

SIM - SERVIÇO DE INFORMAÇÃO À MULHER - (54) 9 9610 5291 

CENTRAL DE ATENDIMENTO: 180 

Foto: Comunicação - CMPF / Comitê Popular por Saúde, Democracia e Direitos - Passo Fundo