Saltar o Menu
Logo Camara
Selo 2015

Câmara de Vereadores de Passo Fundo/RS

VEREADOR

Foto: Edson Nascimento

Edson Nascimento (Suplente)

Bancada: Democratas   ver.edson@cmpf.rs.gov.br   3316.7336 - 3316.7337


Prazer, eu sou o Edson Negão da Padaria, e quero ser a tua voz na Câmara Municipal, vou te contar um pouco sobre minha trajetória até aqui, pois tenho certeza que com o teu apoio irei muito mais longe te representando.    

Minha mãe, mulher negra, nos criou no meio das maiores dificuldades da vida, passei fome, frio e sede. Como sou o irmão mais velho, logo cedo vi que de alguma forma eu teria de ajudá-la a por comida na mesa, mesmo que fosse um único prato frio por dia para um cada de nós, éramos nove. Com isso o tempo foi passando, e o cansaço já tomava conta de mim, e a escola infelizmente ficou em segundo plano, perdendo lugar para a fome.
 
O que mais me entristecia é que muitas vezes não era o suficiente, entretanto estávamos juntos lutando contra tudo. Logo depois mudamos de cidade, e como foi difícil (e é) arrumar emprego pra preto, principalmente pra preto que não estudou porque “não quis”, não tinha carteira de motorista porque “não quis”, não tinha o suporte emocional exigido porque “não quis”. Mas nada disso me intimidou, trabalhei como servente de pedreiro, segurança, auxiliar em padaria, motoboy e por aí vai, foi aí que construí dignidade e humildade dentro de mim e hoje tenho meu próprio negócio que cresce a cada dia mais.

Foi então que com 18 anos eu me casei, e construí uma família linda, tenho três filhos que hoje aprendem comigo todos os dias o que é respeito ao próximo, independente da sua cor, etnia, religião ou gênero. Minha mulher sempre me apoiou em tudo, consegui terminar os estudos e fomentar novos objetivos. Hoje, já vejo um deles, minha filha mais velha, lutando tanto quanto eu para um mundo melhor, além de só postar textos nas redes sociais.

Eu conto a minha história sempre, para eles lembrarem tudo que eu passei, para que agora eles estejam estudando na escola que eu sempre sonhei, para que eles tenham o maior apoio para chegar onde quiserem, para que eles tenham orgulho da história negra, para que eles tenham a oportunidade que não tive, digam com orgulho que são negros.

Confesso, também, que é agora aos meus 37 anos que estou aprendendo a ler um livro, Machado de Assis, como eu demorei em te conhecer, para te encontrar dentro de mim. Espero que já não seja tarde, porque eu quero conhecer esse mundo cada vez mais, quero alimentar o sonho de continuar estudando para ampliar o meu conhecimento de mundo.
Quero ajudar quem já passou pela mesma situação que eu e para que muitos nem cheguem nela. Hoje, eu sou o Edson Negão, de sorriso largo sempre, e é assim que escrevo a minha história.

E é assim que eu luto contra o teu preconceito que vem como brincadeirinha, bobagem.  Eu não me vitimizo, eu quero respeito. Eu quero andar de cabeça erguida por todo lado, quero lutar por dias melhores.
Logo contarei mais sobre a minha luta, sobre a minha bandeira, sobre quem eu sou! Eu luto contra o racismo, homofobia, preconceito religioso, contra a fome, enfim contra aquilo que atinge a maioria de nós. Desejo a você que me acompanhou até aqui um abraço negro, um sorriso negro. Conte comigo, estamos juntos nessa.